Papo com que entende!

23
ABR
2013

Sabe da Última?

MarjorieMelo

Apesar do MAQ não ser um blog específico de beleza, não temos falado noutra coisa por aqui, nos últimos dias, não é? Hoje não vai ser diferente…

Acho que todas concordamos que, com o passar dos anos, nossa beleza mais bonita vai brotando de dentro pra fora, ela está nas atitudes, na gentileza, no amor pela vida e pelos outros, na auto-estima, no bom papo, no brilho nos olhos, no equilíbrio e em todas as outras delícias com as quais a maturidade nos presenteia. Como bem colocou a Carla Bruni em entrevista à revista Veja: “Depois dos 35 o que ilumina a pele é se ela é amada ou não, se ela ama ou não, se ela é educada ou não, se ela sabe falar ou não. Depois dos 35 anos, a beleza vem do caráter. Do jeito como os problemas são enfrentados, da alegria de acordar e da leveza ao dormir (…). Depois dos 35 anos, só a felicidade rejuvenesce.” 

Isso não quer dizer que a gente deva largar a mão da superfície, não é? Fazer o que estiver ao nosso alcance (sem exageros e sem gastar todas nossas economias) para garantirmos nosso bem-estar, mantermos a saúde da pele e do corpo e nos sentirmos bonitas até o último dia. Cuidamos de tantas coisas e de tantas pessoas o tempo inteiro – cuidar é o verbo mais conjugado na minha vida! – por que seria diferente com a gente mesmo?!

Muito bem, fui atrás de uma bate-papo (ainda que virtual!) com uma dermatologista, mas queria alguém que, além de ser reconhecidamente boa no que faz, estivesse próxima dos 40 e sensibilizada, como nós, com a fase que atravessamos, então me lembrei da Marjorie, contemporânea do colégio, cuja pele é seu melhor cartão de visitas! Enviei algumas perguntas para ela que deveriam servir como um roteiro para um bate-papo bem informal. Abaixo segue a transcrição das respostas da Dra. Marjorie Melo (a quem, desde já, agradeço muitíssimo pela colaboração com o blog e a disposição em dividir o que sabe!):

Nossa pele, aos 40

A pele é constituída por 3 camadas, a epiderme, derme e hipoderme. A derme é constituída por um tecido conjuntivo que contém fibras elásticas e colágenas que dão elasticidade e firmeza a pele. Com o envelhecimento, essas fibras alteram-se e começam a se degenerar, mudando seu aspecto, evidenciado pelas rugas. Aos 30 anos, a pele mostra os primeiros sinais de envelhecimento. Ocorre uma diminuição dos mecanismos de defesa da pele, o que deixa que os radicais livres atuem mais. A renovação celular se torna cerca de 20 vezes mais lenta, deixando a pele menos viçosa. As glândulas sebáceas alteram-se, produzindo menos sebo, o que termina por desidratar as células cutâneas e as células pigmentares provocam mudanças na cor da pele, fazendo surgir pintas e manchas. Aos 40 anos, a espessura da pele é menor ainda. A pele está mais desidratada , o tônus muscular já dá sinais de cansaço, gerando flacidez facial. Além das alterações fisiológicas da pele, existe o envelhecimento extrínseco. Aquele decorrente do efeito da radiação ultra-violeta do sol sobre a pele durante toda a vida. O sol é o principal responsável pelo envelhecimento cutâneo. A proteção solar deve ser iniciada na infância, responsabilidade dos pais.

Cuidados mínimos

O ideal é limpar, hidratar e proteger a pele do sol pela manhã. Nesse ritual diário, a limpeza tem o papel de remover as células mortas, maquiagem, excesso de gordura e sujeira, e com isso, facilitar a penetração dos princípios ativos dos cremes que virão na seqüência. O hidratante é importante porque quando a pele está desidratada, ela não funciona de forma adequada. Ao hidratá-la, ajudamos a recuperar a umidade da pele e manter sua função. É importante ressaltar, que a escolha dos produtos usados para a limpeza, vai depender do tipo de pele. Assim se a pele é normal ou seca, devemos optar por um sabonete neutro suave e tônico sem álcool, diferente da pele oleosa. O esfoliante deve ser usado em uma ou no máximo duas vezes por semana por todas as peles, em todas as idades. Para retardar o processo natural de envelhecimento, antes mesmo de recorrer tratamentos estéticos e cirurgias, o melhor a fazer é associar o bem-estar físico ao bem-estar mental, isto é, ter uma boa alimentação, fazer dieta, fazer atividade física, não fumar, ingerir muita água e sempre que possível relaxar. Nunca é tarde para começar!!!

Botox e outros tratamentos…

Aos 40 anos, já é possível investir em alguns tratamentos estéticos como aparelhos a laser para estimular colágeno (entre eles a radiofreqüência e o laser infra-vermelho), a luz pulsada para clareamento da pele e fechamento dos poros e os peelings. O preenchimento e a toxina botulínica em muitos casos já tem boa indicação também. Aos 40 anos, a mulher já começa a apresentar rugas finas ao redor dos olhos e na testa. O objetivo da toxina botulínica é deixar o rosto mais natural, sem prejudicar sua expressividade, reduzir os movimentos faciais e não eliminá-los. O preenchimento a base de ácido hialurônico é indicado para a reposição de volume, principalmente na região do sulco nasogeniano. O ácido hialurônico é uma substância produzida naturalmente pelo organismo e que está presente na pele. Sua função é reter água, conferindo hidratação e volume.

Eu sou super a favor de Botox, preenchimento e tratamentos a laser para estímulo de colágeno e clareamento da pele, desde que com uma boa indicação para dar um ar descansado e não exagerado ao rosto. Hoje existe no mercado várias marcas de aparelhos, é difícil dizer qual é bom, qual não é, cada médico tem a sua experiência com determinado aparelho. Como eu disse, a radiofrequência e o laser infravermelho para estímulo de colágeno, são tecnologias com vários estudos científicos e que dão resultado. Infelizmente, esses aparelhos ainda são muito caros, tanto para o médico como para o paciente, o que resulta num procedimento caro. É importante explicar muito bem para o paciente o que esperar de resultado, não é uma cirurgia plástica, o resultado é sutil, uma maior firmeza a pele. Por isso, é interessante fazer em mulheres mais jovens, ao redor dos 30-40 anos, quando o grau de flacidez é menor e podemos observar um melhor resultado.

O ritual da doutora

Na minha rotina diária da pele eu associo produtos manipulados, que adoro, e, industrializados. Pela manhã um sabonete, uma loção adstringente, a vitamina C e o creme dos olhos, antes do protetor. À noite eu alterno a aplicação de ácidos e cremes com princípios ativos clareadores e hidratantes.

linha5 Papo com que entende!

E é isso, minhas queridas. Nada de exageros, nada de escravidão. Levanto a bandeira da naturalidade, da saúde e do cuidado amoroso com nosso ser – corpo, mente, intelecto e espírito.

Marjorie Melo é membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e está inscrita sob o CRM 94733.

Um bate-papo sobre beleza…

05
MAR
2013

Sabe da Última?

Beleza aos 40

Pra quem gostou do primeiro post em formato de vídeo que fiz no início do ano (aqui), segue mais um, agora tratando do tema Beleza aos Quarenta. O vídeo é uma continuação das gravações feitas no ano passado, durante um bate-papo delicioso com as queridas Andréa Prianti (43), Patrícia Veneziani (42) e Renata Cury (42), a quem agradeço uma vez mais pela super participação!

linha Um bate papo sobre beleza...

Sem mais delongas, com vocês, nosso papo…

 

 

Melhor aos 40 {Beleza} from Marcelo Navarro Filmes on Vimeo.

Um presente pra vocês!

09
JAN
2013

Sabe da Última?

Tiffany

Sou muito fã do blog da francesa Garance Doré, gosto dos textos, das ilustrações, das imagens e, mais que tudo, da espontaneidade dela. Também gosto muito da seção de posts em vídeo que ela faz, batizada fofamente de Pardon My French. Então, num dia qualquer, em meados do ano passado, pensei: por que não? Posts em vídeo poderiam ser um recurso bem legal pra usar no Melhor aos Quarenta de vez em quando. Deixei a ideia ir e vir na cabeça por um tempo, depois esbocei algumas pautas no papel, fiz contatos com alguns profissionais importantes para um trabalho desse tipo, consultei algumas amigas e, voilà… todo mundo concordou que valia a pena tentar!

De todas as pessoas que contatei pra colocar este projeto no ar, não ouvi um único NÃO – todo mundo topou de cara, foi uma energia muito boa! A começar pelo Marcelo Navarro, que fez a filmagem e a edição, depois o pessoal da Soul Comunicação, agência do meu coração que criou o blog junto comigo, desde as primeiras linhas. Foram eles que cuidaram da direção de arte do vídeo. Também fui recebida de portas abertas pela Casa Decorada, loja de decoração aqui de São José dos Campos, que me permitiu escolher todo o mobiliário para a ambientação do set de filmagem, que foi no Pátio (claro!). A Cris, da Le Truquê, mandou doces e cupcakes pra adoçar nosso papo e o querido Allan Cappabianco, com a ajuda do Dan, se prontificou de imediato a cuidar da maquiagem e cabelo das minhas convidadas. Obrigada, obrigada, obrigada.

Ah, as convidadas… este capítulo era muito importante, mas foi mais fácil do que eu imaginava. A ideia era gravar um bom bate-papo entre três ou quatro mulheres na faixa dos quarenta anos. Eu sabia que a escolha destas pessoas seria crucial para a qualidade do conteúdo do vídeo. Queria pessoas de bem com a vida, que estivessem curtindo esta fase sem encanações, mas que também estivessem atravessando momentos diferentes em suas vidas, pra que os assuntos fossem explorados ao máximo. Falamos sobre família, filhos, carreira, beleza, envelhecimento, amigos, amores. Foi mesmo uma tarde muito diferente e muito gostosa! Minhas convidadas, que aceitaram meu convite sem qualquer hesitação foram as muito especiais: Andréa Prianti, Patrícia Veneziani e Renata Cury. A elas, meu mais carinhoso e sicenro OBRIGADA! Amei brincar de Monica Waldvogel com vocês!

De todas as embalagens encantadoras que existem (e sabemos que são muitas), penso que esta uma, cor de turquesa, com laço de fita branca, ícone de uma certa joalheria novaiorquina, seja a mais especial de todas. Talvez porque a gente já saiba que vai gostar do que tem dentro, talvez porque ela traga embutida a mensagem de que somos especiais pra alguém, talvez porque desperte a Audrey Hepburn que temos guardada dentro de nós ou talvez porque seja linda e delicada, somente. Independente da razão, escolhi esta caixa pra ilustrar meu primeiro post em vídeo porque o sinto como um presente meu pra vocês, concebido e produzido com muito cuidado e carinho, por um monte de gente bacana. Espero que gostem! Aí vai…linha Um presente pra vocês!

linha1 Um presente pra vocês!

Apesar das mais de duas horas de gravação, publicarei quatro ou cinco vídeos de 5 a 8 minutos, ao longo dos próximos meses. Queria muito saber o que acharam da ideia e do vídeo em si – deixem seu comentário!

Melhor aos 40 {Ping-Pong} from Marcelo Navarro Filmes on Vimeo.

Bate-papo com o doutor

10
SET
2012

Sabe da Última?

Edgar

Quando fui pra Minas, nas férias de julho, encontrei meu querido tio Edgar que, antes mesmo de me dar “oi”, falou de longe: “Tô adorando seu blog!”, eu fiquei surpresa! Um homem, quase na casa dos 60, seguindo o Melhor aos Quarenta?! Ele percebeu logo minha cara de “como assim?!” e explicou com o delicioso sotaque daquela terra: “uai, Rê, você fala com meu público-alvo, é claro que eu me interesso, e muito!”. Agora sou eu quem explico: ele é ginecologista, um dos poucos da pequena cidade natal da minha avó, da minha mãe e dele, no Sul de Minas.

Voltamos lá neste feriado e meu tio falou de novo que não perde um post. Então, eu perguntei: “você me daria uma entrevista?”. Ele topou, claro! Pegou um copo de cerveja, acendeu um cigarro de palha e perguntou: “já pensou nas perguntas?”. Eu disse que queria saber o que acontece dentro do corpo da mulher nas proximidades dos 40 anos e aí o papo foi embora…

De uma maneira geral, aos 40 anos o sistema reprodutor feminino ainda está funcionando, as chances de engravidar são menores, mas existentes. No entanto, a qualidade do material genético começa a cair a partir dos 35 anos de idade, aumentando os riscos de má formação do bebê.

A sexualidade está a pleno vapor, mas o corpo está se encaminhando para o climatério, período em que os ovários vão começar a parar de funcionar. Nesta fase, a menstruação se assemelha à menarca, que é aquele período da adolescência em que os ovários começam suas atividades – a menstruação é irregular e o fluxo também, às vezes pula um mês, às vezes vem duas vezes num mesmo mês, tem hora que desce pouquinho, em outras parece hemorragia. A maioria das mulheres entra no climatério na faixa dos 45 anos e além das irregularidades no ciclo menstrual, pode observar mudanças de humor (sempre pra pior, óbvio!), ressecamento da pele, incluindo na região vaginal, as famosas ondas de calor e redução da libido. Fala sério! A natureza não dá trégua pra gente!

A reposição hormonal, tida como a solução para todos os males das mulheres de meia idade há poucos anos atrás, já está sendo vista com muito mais cuidado, principalmente por causa do aumento dos casos de câncer diretamente relacionados à ingestão indiscriminada dos hormônios. É necessário avaliar com cuidado, caso a caso.

O climatério se encerra com a chegada da menopausa, quando os ovários penduram as chuteiras de vez e deixamos de menstruar. Também não existe uma idade certa para acontecer, mas pode se estender até os 50-55 anos, ou seja, ainda não precisamos pensar nisso.

Eu estou com 37, então devo ter mais uns 8 ou 10 anos pela frente antes de começar a passar por tudo isso, mas, pensando bem, deixar de ficar menstruada não deveria, necessariamente, ser uma coisa ruim – eu, pelo menos, não conheço uma só mulher que adore ficar menstruada, ao contrário, é um saco. De qualquer forma, parece que a ideia mexe muito com a nossa auto-estima e eu acho que isso deve estar diretamente ligado à sexualidade em si… talvez a gente envie pra nós mesmas mensagens do tipo “já não sou mais atraente” ou “não sou mais capaz de despertar interesse” ou “não sou mais desejável”, talvez a gente se envergonhe do próprio corpo, inevitavelmente menos firme e vigoroso. Então, é hora de lembrar que temos a experiência a nosso favor e, poxa vida, como isso conta!

Provavelmente eu ficaria encabulada num papo desses com o meu tio, mas como estava conversando com o Dr. Edgar fiquei muito à vontade e perguntei sobre o que fazer pra prolongar uma vida sexual prazerosa.

As dicas dele foram:

- Leve uma vida saudável, praticando atividades físicas regularmente e alimentando-se bem

- O corpo saudável alimenta a auto-estima e auto-estima elevada é um afrodisíaco natural poderoso

- Adapte-se às transformações do seu corpo ao invés de aborrecer-se com elas

- Use lubrificantes vaginais, eles tornam o sexo mais prazeroso para a mulher e para o homem

- Preocupe-se com a qualidade e não com a quantidade

As minhas dicas são:

- Alimente o romance

- Não deixe de elogiar quem você ama

- Dialogue sobre o tema com clareza e bom humor

- Brinque, provoque, mostre-se interessada

- Filmes e livros românticos (e levemente picantes) podem ser muito estimulantes

- Meia-luz, sempre à meia-luz! Celulite e outras imperfeições desaparecem…

Outras informações importantes que ele colocou a respeito dos cuidados com a saúde da mulher a partir dos 40 são:

- Visite seu ginecologista anualmente ou sempre que observar algo irregular no funcionamento do seu organismo.

- É recomendável que a primeira mamografia seja realizada aos 35 anos. A partir dos 40, ela é recomendada de 2 em 2 anos, em caso de mamas normais (tipo 1 ou 2). No entanto, se a mama apresentar alguma irregularidade ou tendência a nódulos malignos, a periodicidade do exame deve ser anual.

- O papanicolau, exame preventivo de câncer no colo uterino, deve ser feito anualmente, assim como o ultrassom transvaginal que avalia a saúde do sistema reprodutor como um todo.

É isso aí, meninas. Cuidem-se!

linha1 Bate papo com o doutor

Dr. Edgar Gomes Filho é ginecologista e obstetra há 31 anos, formou-se pela Faculdade de Medicina de Barbacena, MG e fez especialização no Hospital Felício Rocho, em Belo Horizonte, sob chefia do prestigiado Dr. Mario Dias Correa.

Papo Fashion

17
AGO
2012

Sabe da Última?

Depot2

Andei pensando e achei que ficar falando só de mim e dos meus pensamentos pode deixar o “Melhor aos Quarenta” um tanto cansativo. Apesar desta ser a principal motivação do blog, acredito que exista espaço para deixá-lo cada vez mais rico e diversificado, então decidi incluir alguns posts informativos de vez em quando, posts que tragam esclarecimentos, opiniões, novidades, curiosidades e dicas sobre as mais diversas áreas do delicioso universo feminino. Assim sendo, inauguramos hoje a categoria “Sabe da Última?”, com um assunto que a gente ama: moda.

Fui bater um papo gostoso com a Renata Cury, 42, uma das proprietárias do Boulevard Depot (suspiros!), entendidíssima do assunto e a quarentona mais charmosa que eu conheço. Foi uma conversa despretensiosa, sem querer definir isto ou aquilo como certo ou errado, a ideia era conhecer a opinião da Renata sobre a moda aos 40, pelo simples fato de que o gosto dela bate com o meu, adoro a maneira como ela se veste e se produz, em qualquer ocasião. Gostei mais ainda do que ouvi, logo de cara: “o melhor de se vestir nesta fase da vida é que você não tem que provar mais nada a ninguém, não tem que ser escrava da moda, pode se vestir com naturalidade, pra você mesma”. Esta é a Renata Cury – adoro!

Comecei perguntando se existem regras sobre o que é permitido ou proibido para a mulher na casa dos 40, na hora de se vestir. Ela respondeu dizendo que as mulheres estão se cuidando cada vez mais, estendendo sua beleza por muito mais tempo e que não vê problema algum em mostrar isso com uma roupa mais justa ou uma minissaia, por exemplo. Reforçou, no entanto, a importância de usar o bom senso, sempre; adequar a roupa à ocasião. Fez restrições pessoais apenas para: bota branca (never, please!), miniblusa (já passamos desta fase) e minissaia com bota (depois dos 40, resista à tentação).

Perguntei sobre estilos de roupa que tendem a nos rejuvenescer e a dica foi: peças divertidas, como uma t-shirt com estampa ou frases descontraídas e também peças coloridas ou estampadas. Atenção às roupas muito amplas ou às peças em estilo vintage (apesar de fofas), elas tendem a nos envelhecer, salvo looks muito bem montados.

Pedi algumas referências de quarentonas fashion e elegantes e as eleitas por ela foram: Carolina Ferraz, Andréa Beltrão, Malu Mader, Debora Bloch e Luiza Brunet (esta última é cinquentona, mas tá valendo, ela arrasa!). Acho legal a gente eleger nossas referências e observar como se produzem. Eu adoro o estilo despojado da Jennifer Aniston, mas também sou fã do jeitão poderoso da Jennifer Lopez.

Achei gostoso saber que nas lojas do Boulevard Depot, especialmente na Bobstore e na própria Depot, é muito comum mães e filhas adolescentes fazerem compras juntas, muitas vezes de uma mesma marca ou coleção – portanto, está tudo igual mesmo!

linha3 Papo Fashion

Algumas dicas práticas da Rê Cury:

- Os assessórios são muito importantes, invista neles! A onda das maxi bijoux veio com tudo, mas tome cuidado com os excessos. Escolha apenas uma peça chamativa de cada vez. Ou seja, se optar por um maxicolar, use brincos discretos e vice-versa.

- Invista numa bolsa bacana, elas refinam o look (não precisa nem pedir duas vezes!)

- Calças de alfaiataria vieram pra ficar, elas são super elegantes, alongam a silhueta, principalmente com salto alto.

- As roupas que marcam o corpo, como mencionado acima, estão liberadas, mas atenção novamente aos excessos. Se optar por uma minissaia, escolha uma blusa mais comportada. Se decidiu colocar um decote mais ousado, contenha-se na parte de baixo. Mostrar demais não valoriza ninguém.

Veja uma seleção de 5 looks que a Renata escolheu pra gente, da coleção que acabou de chegar nas lojas do Boulevard:

Depot31 Papo Fashion

Antes de finalizar, queria deixar registrado meu muito obrigada a Rê Cury, pela prontidão em ajudar, pela generosidade em partilhar, pela simpatia e pelo café, valeu demais! Também queria muito saber o que vocês acharam, não só do post de hoje como também da ideia de trazer mais informação pra cá – deixe seu comentário aí embaixo, vamos fazer este blog juntas!

Um final de semana muito fashion pra vocês!

linha2 Papo Fashion

PS: tem mais um monte de dicas legais no Blog do Boulevard - não deixe de acessar!